Horário: Ver "Informações Especiais Covid-19"

Rua Conde Dom Henrique

4800-412 Guimarães

PD1058

Objeto museológico (PDB)

Martelo de Armas
Autor: Desconhecido
Centro de Fabrico: Desconhecido
Data: Século XV-XVI
Material: Aço
Dimensões (cm): comp. 84 x larg. 3,8 x alt. 25,5
Peso: 1647 g
N.º de Inventário: PD1058

Martelo de armas todo fabricado no mesmo material e composto por duas partes principais – a cabeça e o cabo. A cabeça, de secção quadrada, tem 25,5 cm de comprimento e uma espessura máxima de 3,3 cm. Apresenta um formato encurvado, rematando em bico. O cabo é cilíndrico e tem cerca de 1 cm de diâmetro. Na zona inferior do cabo existem dois anéis circulares, o mais fino com 2,7 cm de diâmetro e o outro, mais abaixo, com 3.2 cm. Estes anéis, necessários a um conveniente equilíbrio da arma, encontram-se a 10 cm, um do outro, definindo assim uma zona de punho, de configuração otogonal. Encostada à base da esfera mais larga existe uma argola com 4,5 cm de altura e formato de coração, talvez para suporte da peça. Não existe qualquer decoração.

Os martelos de armas pertenciam à mesma “família funcional” das maças [arma de choque]. Todavia, só devem ter aparecido em meados do século XIV, combinando um cabo robusto (geralmente cilíndrico e fabricado em ferro ou aço) com uma cabeça composta por uma barra do mesmo material apresentando, de um dos lados, uma ponta aguçada e, do outro, uma superfície grossa e plana, ambas destinadas a quebrar as defesas corporais do inimigo. Segundo alguma iconografia, os martelos de armas seriam manejados com as duas mãos, o que se compreende, dada a sua dimensão.

João Gouveia Monteiro