Horário diário: Todos os dias, das 10h00 às 18h00.

Rua Conde Dom Henrique

4800-412 Guimarães

PD1041

Sabre
Autor: Desconhecido
Centro de Fabrico: Desconhecido
Data: Século XVIII
Material: Metal e marfim
Dimensões (cm): Comp. 86,5; larg. 22,5
Peso: 858 g
N.º de Inventário: PD1041 / MAS 372 / A.G. 76

Sabre cuja lâmina tem três sulcos. O punho é de bronze e marfim e no lugar do botão há uma cabeça de leão. A guarda tem dois escudos em relevo, com motivos militares, sobre a lâmina.

O Sabre é um tipo de espada que é, por norma, curva. É tradicionalmente associada à cavalaria uma vez que a curvatura da lâmina facilitava o ataque ante a resistência ao ar promovida por um cavalo a galope.

Mais tarde, o sabre transitou da mão do cavaleiro para a do esgrimista, tornando-se uma das três disciplinas desta arte secular. As várias modalidades da esgrima distinguem-se tanto pelos diferentes tipos de lâmina como pelas áreas do corpo visadas em cada ataque.

A mais violenta das disciplinas é a espada, que permite golpes em todo o corpo. O florete visa apenas toques no torso. Já com o sabre, visam-se áreas acima da cintura por serem as que estavam no raio de ataque de um cavaleiro ante a infantaria que combatia a pé.

Objeto museológico (sabre)