Horário: Ver "Informações Especiais Covid-19"

Rua Conde Dom Henrique

4800-412 Guimarães

Cerâmica

Cerâmica

Coleção: Cerâmica

A coleção de cerâmica do Paço dos Duques possui exemplares de faiança nacional e espanhola, com uma cronologia que vai dos séculos XVII ao XIX. Refiram-se, por exemplo: três pratos, ditos de «aranhões» e dois ditos «de contas», dos séculos XVII e XVIII; os boiões e canudos setecentistas e oitocentistas, usados nas antigas boticas (farmácias); e duas terrinas, uma da Fábrica do Rato e outra de Miragaia, do século XVIII.

De entre o conjunto de porcelanas chinesas desse especial destaque a uma taça da época Ming, decorada apenas com flores e folhas de lótus pintada num azul cobalto típico do reinado de Jiajing, cuja marca ostenta na base e produzida no século XVI; o conjunto de aquários setecentistas de grandes dimensões e profusamente decorados; a guarnição de cinco peças, constituída por três potes e duas jarras, executados em porcelana branca decorada a azul cobalto sob o vidrado e produzidos nos finais do séc. XVII – inícios do séc. XVIII e, por fim, um par de potes setecentistas, de grandes dimensões e em forma de balaústre, ostentanto o brasão Sampaio e Mello.

Pote
(c. 1660)

Pote
(c. 1660)

Pote Sentinela
(c. 1690)

 

Pote Sentinela
(c. 1690)

Pote Sentinela
(c. 1690)

Pote
(séc. XVII)

 

Pote
(séc. XVII)

Pote
(séc. XVII)

 

Pote
(séc. XVII)

Pote
(séc. XVII)

Pote
(séc. XVII)

Pote
(séc. XVII)

Canudo
(séc. XVII)

Prato
(séc. XVII)

Prato
(séc. XVII)

Prato
(séc. XVII)

Prato
(séc. XVII)

Prato
(séc. XVII)

Conjunto de Guarnição
(séc. XVII-XVIII)

Pote
(1700-22)

Pote
(1700-22)

Pote
(c. 1730)

Pote
(c. 1730)

Prato
(1730-45)

Prato
(1730-45)

 

Aquário
(1740-50)

Aquário
(1740-60)

Poncheira
(1745-65)

Prato
(1745-65)

Poncheira
(1745-65)

Prato
(1745-65)

Pote Sentinela
(c. 1760)

Pote Sentinela
(c. 1760)

 

Terrina com Travessa
(1770-80)

Pote Sentinela
(1770-90)

Pote Sentinela
(1770-90)

 

Terrina
(séc. XVIII)

Terrina
(séc. XVIII)

Terrina
(séc. XVIII)

Prato
(séc. XVIII)

Prato
(séc. XVIII)

Boião de Botica
(séc. XVIII)

Boião de Botica
(séc. XVIII)

Boião de Botica
(séc. XVIII)

Boião de Botica
(séc. XVIII)

 

Boião de Botica
(séc. XVIII)

Boião de Botica
(séc. XVIII)

Boião de Botica
(séc. XVIII)

Manga de Botica
(séc. XVIII)

 

Manga de Botica
(séc. XVIII)

Boião de Botica
(séc. XVIII)

Manga de Botica
(séc. XVIII)

Manga de Botica
(séc. XVIII)

Manga de Botica
(séc. XVIII)

Manga de Botica
(séc. XVIII)

Jarra
(séc. XVIII)

Talha
(séc. XVIII)

Talha
(séc. XVIII)

Talha
(séc. XVIII)

Pote
(séc. XVIII)

Pote
(séc. XVIII)

Aquário
(séc. XVIII)

Aquário
(séc. XVIII)

Aquário
(séc. XVIII)

 

Pote
(séc. XVIII)

Pote
(séc. XVIII-XIX)

Pote
(séc. XVIII-XIX)

Manga de Botica
(séc. XIX)

Manga de Botica
(séc. XIX)

Pote
(séc. XIX?)

Pote
(séc. XIX?)