Horário: Ver "Informações Especiais Covid-19"

Rua Conde Dom Henrique

4800-412 Guimarães

PD0257

Objeto museológico (PDB)

Boião de Botica
Autor: Desconhecido
Centro de Fabrico: Fábrica do Rato, Lisboa (?)
Data: Século XVIII
Material: Barro
Dimensões (cm): alt. 26,4 x Ø 24,7
N.º de Inventário: PD0257

A profissão de farmacêutico, que tem por base o ofício de boticário, detém um passado histórico valioso que se reflete nos utensílios por ele usados.

Os vasos de botica eram feitos de muitas formas dependendo da sua função. Os que eram utilizados para armazenar substâncias sólidas e viscosas, tais como ervas, especiarias, conservas, unguentos e eletuários , eram geralmente cilíndricos, ou ovoides (potes e boiões, estes últimos também designados por canudos). As substâncias líquidas, tais como xaropes ou óleos, eram armazenadas em garrafas.