Horário: Ver "Informações Especiais Covid-19"

Rua Conde Dom Henrique

4800-412 Guimarães

PD0154

Objeto museológico (PDB)

Vaso
Autor: Desconhecido
Centro de Fabrico: Talavera de la Reina, Espanha
Data: Século XVI
Material: Barro
Dimensões (cm): alt. 26,5 x Ø 21,5
N.º de Inventário: PD0154

Talavera de la Reina é uma região situada na província de Castilla – La Mancha, comarca de Toledo e famosa pelo seu centro de fabrico de cerâmica. Conhecida desde o séc. XIII, esta cerâmica decora, desde esta altura, por exemplo, um altar da Catedral Velha de Salamanca e ainda o chão da Igreja Real do Mosteiro de Santa Maria de Las Huelgas em Burgos.

Aliás, é durante os séculos XV e XVI que D. Felipe II de Espanha, sabendo apreciar este tipo de cerâmica, tê-la-á escolhido para o Mosteiro de S. Lourenço do Escorial, tendo adquirido então, graças a este facto, uma fama ainda mais significativa.

Trata-se de um vaso de forma cilíndrica decorado a verde de cobre e castanho de manganês, exemplar de um tipo de motivos muito comum em Paterna ao longo dos séculos XIV e XV ou Teruel, entre os séculos XV a XIX. Esta peça é de manufatura tardia e apresenta aves num fundo vegetalista, sendo ainda percetível uma influência mudéjar (ibero-muçulmano).