Horário diário: Aberto todos os dias

PD1179

Banco
Autor: Desconhecido
Centro de Fabrico: Desconhecido
Data: Século XVIII
Material: Madeira, couro, metal e franja
Dimensões (cm): Alt. 107; larg. 103,5; prof. 48
Proprietário: Museu Nacional Machado de Castro
N.º de Inventário: MNMC1206

Os assentos pertencem a essa classe de objetos e de utensílios que trouxeram o inapreciável benefício de concorrer para que a vida se tornasse mais fácil e agradável.

O homem ao obter um meio que lhe consentia prescindir do solo para sentar-se, dignificou-se aos seus próprios olhos e libertou-se definitivamente dos últimos elos que o prendiam à bruta animalidade.
Augusto Cardoso Pinto

O couro provém da pele de animais curtida, passando por vários processos até ao produto final. Posteriormente, para a realização do trabalho artístico, existem várias técnicas decorativas. Neste caso, a técnica utilizada foi o couro lavrado: o desenho (feito a partir de papel) é passado a lápis para o couro (que deve estar húmido, para ser mais maleável), marcado depois com um estilete e, finalmente, aberto com um pequeno esgache (ferramenta utilizada pelos entalhadores).