Horário: Todos os dias, das 10h00 às 18h00

Rua Conde Dom Henrique

4800-412 Guimarães

PNA513

Objeto museológico (PDB)

São Jerónimo
Autor: Desconhecido
Centro de Fabrico: Desconhecido
Data: Século XVIII
Material: Óleo sobre tela
Dimensões (cm): larg. 89,3 x alt. 106,7
N.º de Inventário: PNA513 / PNA66694 / PD0713dep

Pintura representando S. Jerónimo, o qual segura, na mão esquerda, uma cruz e, na mão direita, um livro entreaberto pelo indicador. Entre o livro e a cruz encontra-se uma caveira.

São Jerónimo é um dos quatro principais doutores da Igreja Latina e autor da «Vulgata», ou seja da primeira tradução oficial da Bíblia diretamente do hebraico para o latim.

São Jerónimo nasceu no séc. IV, em Sitridon, na Dalmácia (atual Croácia), tendo estudado em Roma e dominando fluentemente o latim, o grego e o hebraico.

Aos dezanove anos, depois de batizado, ruma em peregrinação à Terra Santa, retirando-se posteriormente para o deserto da Síria, onde vive como eremita, dedicando-se a escrever a Vida de S. Paulo, o Eremita.

Depois de uma estada em Antioquia, regressa a Roma e torna-se colaborador do papa Dâmaso I, que lhe pede uma versão latina da Bíblia. Foi em Belém, após a morte do papa, que S. Jerónimo conclui a tradução da Bíblia, sendo ai que vem a falecer em 420.

Esta pintura representa S. Jerónimo sendo inspirado para a redação dos seus escritos apologéticos. Trata-se de uma pintura de composição centralizada, com luz filtrada, incidindo esta apenas sobre o rosto que exibe modelado perfeito. A paleta de cores utilizada é reduzida e muito contrastante, sobressaindo o alaranjado da veste do Santo em oposição ao negro do fundo.